Bolsa de Estudos - MEXT - (GRADUAÇÃO)

Dúvidas frequentes [FAQ]

O que é a Bolsa de Graduação?

É uma bolsa oferecida pelo “MEXT” (Ministério da Educação, Cultura, Esporte, Ciência e Tecnologia do Japão) para pessoas que desejam fazer a sua graduação nas universidades japonesas.

 
Quantas vagas são oferecidas?

Não há um número pré-estabelecido de vagas. Conseguir a bolsa depende apenas do desempenho do candidato.

 
O diploma é válido no Brasil?

É necessário fazer a revalidação do diploma junto às universidades aqui no Brasil (verificar junto às universidades, como a USP, por exemplo).

Procedimento atual para revalidação do diploma:

1- Solicitar ao Gaimusho – Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão a autenticação do:
a)certificado/diploma;
b)histórico escolar;
c)documento comprovando o funcionamento regular da instituição e do curso concluído.
Endereço: 2-2-1 Kasumigaseki, Tiyoda-ku, Tokyo 100-8919

2- Com os documentos autenticados pelo Gaimusho entrar com o processo de autenticação junto ao Consulado Geral do Brasil em Tóquio ou em Nagoya:

Consulado Geral do Brasil em Tokyo:
Shinagawa-ku Higashi
Gotanda 1-13-12 Gotanda Fuji Bldg. 2F, ╤ 141-0022
www.consbrasil.org
Tel.: (03)5488-5451

Consulado Geral do Brasil em Nagoya:
Nagoya-shi Naka-ku
Marunouchi 1-10-29 Shirakawa nº8 Bldg. 2F, ╤460-0002
Tel.:(052)222-1077

3- Será necessário para revalidação o conteúdo de cada disciplina e a sua carga horária, mas não há necessidade de autenticá-los.

4- Para a revalidação de diploma de pós-graduação será necessária a cópia da dissertação (mestrado) ou a tese (doutorado). Não será necessário autenticar estes documentos.

5- Documentos necessários:

-Cópias do diploma;
-Histórico escolar;
-Duração e o currículo do curso;
-Conteúdo programático;
-Carga horária;
-Documento comprovando o funcionamento regular da instituição e do curso concluído;
-Cópia autenticada do RG.

Observação: Todos os documentos devem ser acompanhados de tradução oficial juramentada.
* Para procurar tradutores juramentados: www.jucesp.sp.gov.br
* Revalidação de diploma na USP: http://www.ccint.usp.br
* Os documentos e informações acima citados podem sofrer alterações. Não deixem de verificar junto a seção internacional da universidade pública onde pretende revalidar o diploma antes de retornar ao Brasil.

 
Não tenho ascendência japonesa, posso concorrer?

Para pleitear as Bolsas MEXT não é necessário ter ascendência japonesa.

 
Faço 22 anos em 31 de março do ano do embarque, poderei pleitear a esta Bolsa?

Infelizmente não é mais possível pleitear a esta bolsa. Os requisitos são válidos para todos os países onde esta bolsa é oferecida e não são flexíveis.

 
Não tenho o domínio da língua japonesa e nem da língua inglesa. Existe a possibilidade de pleitear a esta bolsa mesmo assim?

O domínio de uma destas línguas é essencial para pleitear a esta bolsa, pois os exames específicos são aplicados em inglês ou japonês e, além disso, você vai precisar de uma delas para comunicar-se no Japão (as aulas no Japão serão ministradas em japonês).

 
Posso escolher até quantos cursos?

Você poderá escolher até 3 cursos , desde que sejam da mesma área. Por exemplo: se você escolher um curso de Ciências Humanas, não poderá escolher um curso de Ciências Naturais (A). Também não é possível misturar Ciências Naturais (A) com Ciências Naturais (B) e (C). Caso o candidato escolha as Ciências Naturais (C), que têm apenas 2 áreas, poderá escolher um curso das Ciências Naturais (B) para completar os 3 cursos.

 
Esta bolsa pode ser prorrogada?

Sim, após o término da graduação, existe a possibilidade de prorrogar a bolsa por mais 2 anos para fazer uma pós-graduação, desde que o candidato tenha apresentado um bom desempenho e boa frequência durante a graduação. Além disso, o candidato deve ter sido aprovado por uma nova avaliação do MEXT e da Universidade.

 
Existe alguma taxa escolar?

As universidades japonesas, mesmo as públicas, são pagas. Caso você seja agraciado com a bolsa do MEXT ficará isento destas taxas que serão pagas pelo governo japonês.

 
O valor da bolsa é suficiente para viver no Japão ou é necessário levar algum dinheiro extra?

O valor da bolsa é o suficiente para as despesas de transporte, moradia e alimentação, porém é recomendável que o bolsista leve cerca de U$ 1.500 para o caso da bolsa atrasar no primeiro mês.

 
Por que mesmo não sabendo nada de japonês, tenho que estar presente no exame de língua japonesa?

O exame é para verificar o seu nível de conhecimento da língua japonesa. Para determinar o nível do curso preparatório de línguas no Japão. No dia do exame, é necessário comparecer e permanecer na sala cerca de 30 minutos para assinar a lista e as folhas de prova (o tempo mínimo de permanência na sala será determinado pelo examinador).

 
Vou poder trabalhar no Japão?

Não, o visto concedido é de estudante, o objetivo desta bolsa é estudar.

 
É possível fazer a inscrição pela internet?

Não, salvo as pessoas que residem no interior do Estado de São Paulo, no Estado do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e na Região do Triângulo Mineiro, que podem fazer a sua inscrição via correio (no período pré-determinado), as inscrições devem ser efetuadas pessoalmente.

 
As provas dos anos anteriores estão disponíveis para consulta?

Sim, as provas dos anos anteriores estão disponíveis no site: http://www.studyjapan.go.jp/en/toj/toj0302e-32.html#1

 
Quais as matérias dos exames?

As matérias que dos exames são as mesmas do ensino médio japonês. Você deve procurá-las em sites de escolas japonesas, pois algumas matérias não fazem parte do ensino médio brasileiro. (no exame de matemática por exemplo conhecimento de matérias como integrais e derivadas pode ser solicitado) É possível procurar as escolas no site: www.studyjapan.go.jp ou www.jasso.go.jp

 
A entrevista é eliminatória?

Sim, o exame de entrevista também é eliminatório.
Aqui no Brasil temos duas fases eliminatórias. Após a aprovação no exame de entrevista, serão reunidos mais documentos que serão enviados ao “MEXT”, onde haverá a última fase eliminatória que será o ranqueamento mundial. O Consulado recebe a lista dos aprovados, normalmente, em janeiro do ano seguinte, em alguns casos, o resultado pode ser divulgado até um mês antes do embarque.

 
Quais as providências que terei de tomar caso seja aprovado?

Os candidatos aprovados terão de providenciar o passaporte brasileiro.
Para as pessoas que receberem a aprovação, haverá uma tarde de orientação para esclarecimento de dúvidas.

 
 

 

INFORMAÇÕES PELO TELEFONE:
O horário de informações pelo telefone é de segunda à sexta-feira (exceto feriados), das 9:00 às 12:00 e das 13:30 às 17:30 (Depto. Cultural)
TEL: (0XX11) 3254-0100
cgjcultural5@sp.mofa.go.jp